Malhas de Correntes: Conheça os tipos mais usados

Malhas de Correntes: Conheça os tipos mais usados!

Malhas de Correntes: Veja neste artigo quais são as principais curiosidades sobre as malhas de correntes mais usadas!

Todo mundo que ama joias e semijoias já passou pela situação de desejar muito algum tipo de corrente ou pulseira, porém não conseguia dizer exatamente o porque aquele modelo o deixou tão apaixonado. 

E o que muitos não sabem é que isso é bastante comum em joalherias.

Isso porque nelas cada modelo possui um termo específico para ele que a joalheria não fala.

Por isso, fizemos esse artigo para tirar suas dúvidas e te informar a respeito das malhas de correntes mais usadas.

Boa leitura!

QUE TAL 5% DE DESCONTO? Cadastre-se e receba o cupom no seu e-mail!

O que é malha de corrente?

O termo malha de corrente é muito utilizado na maioria das joalherias do país.

Ele é utilizado para diferenciar os tipos de correntes disponíveis no mercado, e, dessa forma, existe uma variedade muito grande de malhas de correntes.

Assim, se você é uma pessoa que é apaixonado por colares, anéis entre outras joias e semijoias, saiba que malha de corrente é o termo específico para cada modelo.

Portanto, existem inúmeras malhas de correntes, e, a partir de agora, falaremos sobre as suas principais características para posteriormente fazer a lista das mais usadas.

Principais características das malhas de correntes

Agora, separamos as principais características das malhas de correntes que existem no mercado hoje em dia.

A primeira é quando é uma joia. Isso ocorre sempre que o quilate do ouro encontrado na peça ou unido a outros metais é praticamente 100% sem nenhuma mistura.

Ou seja, para ser considerado uma joia a malha de corrente precisa ter a proporção de um vinte e quatro avos (1/24) de ouro contido em uma liga.

A porcentagem de ouro na malha de corrente é chamada de quilate pelo fato de o mercado americano ter determinado a quilatagem do metal (karat), que tem como símbolo a letra K.

Já a quantidade do metal utilizado na malha de corrente se chama “milésimos”, e é exatamente o que diferencia uma joia de uma semijoia.

O metal ouro se comercializa em 24K, 18K ou 14K.

Agora, a malha de corrente de uma semijoia é feita de ouro ou prata maciça. Ela possui esse nome pois recebe um banho com metais nobres como ouro, prata, aço ou outros materiais como o ródio.

Tal processo é chamado de galvanoplastia, o que representa as várias etapas de exposição a produtos químicos e metais fazendo com que a malha de corrente seja de qualidade.

A semijoia é diferente de uma bijuteria devido ao design, fabricação e qualidade, que é parecida com a de uma joia.

Tipos de malhas de correntes

A malha de corrente possui diversos tipos e modelos.

Por isso, para você escolher uma para usar, é possível escolher o que mais combina com o seu estilo, ou então um modelo mais versátil, e também com o banho que preferir.

Afinal, o banho é essencial para que a malha de corrente dure mais, além de ter um brilho bonito e qualidade.

Por isso, as semijoias são muito indicadas para você que deseja uma peça acessível, bonita e estilosa.

Inclusive é possível escolher uma que a malha de corrente foi banhada a ouro de 18k, escolhendo a que faz mais seu estilo.

Por isso, separamos os principais tipos de malhas de corrente mais usadas e que estão disponíveis no mercado:

  • Veneziana;
  • Grumet;
  • Elo português;
  • Cartier;
  • Rabo de rato;
  • Cordão baiano;
  • Fígaro;
  • Singapura;
  • Americana;
  • Marine;
  • Corda;
  • Piastrine;
  • Italiana;
  • Malha de serpente;
  • Trigo.

Agora, vamos falar a respeito de cada um desses tipos:

Malhas de Correntes
Malhas de Correntes

Veneziana

A malha de corrente muito usada é a veneziana, que possui elos interligados.

Tais elos, em alguns modelos, também são duplos, com uma conexão bastante delicada e bonita.

Além disso, as peças feitas com essa malha de corrente também são bastante justas, sem praticamente nenhum espaço entre elas.

Esse tipo de malha de corrente é muito usado em peças mais comuns, e principalmente em peças femininas que têm algum tipo de pingente.

Dessa forma, se sua intenção é montar um look mais casual, a malha de corrente veneziana é a escolha certa para você.

Grumet

Esse é um dos tipos mais populares.

Essa malha de corrente possui elos longos, podendo ser, inclusive, duplos, sendo uma das principais características das peças feitas com essa malha

As correntes feitas com a malha grumet são usadas principalmente por homens, pelo fato de que elas possuem uma espessura bastante grossa.

Entretanto, é possível achar modelos delicados e mais femininos que utilizam esse tipo de malha.

Ou seja, as peças são bem versáteis.

Elo português

O elo português possui uma beleza singular.

Isso porque, essa malha de corrente possui vários elos redondos que são posicionados de maneiras diferentes.

Assim, eles ficam intercalados, alguns horizontalmente e outros verticalmente, fazendo com que a peça feita com esse tipo de malha tenha um aspecto bastante interessante.

Os modelos feitos com essa malha de corrente são bem mais acessíveis, e também são encontrados de diversas formas, incluindo com pingentes.

Peças feitas com esse tipo de malha de corrente podem ser utilizadas em qualquer ocasião, e dão um ar bonito e elegante para a pessoa que está usando.

Cartier

Esse tipo de malha de corrente foi criado por Louis Cartier, e as peças feitas com ela tem um estilo bastante único.

Além disso, essa malha de corrente foi responsável pela criação de diversas ideias maravilhosas e que foram consideradas ícones para a alta joalheria.

Aqui, os elos são um pouco achatados, e durante toda a sua extensão eles têm o mesmo tamanho.

Além disso, os elos dessa malha de corrente são pequenos e ligados uns nos outros. 

As peças feitas com ele são clássicas e possuem diversos banhos e pingentes.

Elas dão um ar todo especial ao look da pessoa que está usando.

Rabo de rato

A malha de corrente rabo de rato é muito usada e é bastante diferente das demais.

Aqui os elos são interligados para formar um único fio, e não possui nenhum tipo de solda entre eles.

As peças feitas com esse tipo de malha de corrente são mais grossas, e bastante usadas em pulseiras com berloques, entretanto, tem também os mais achatados que são utilizados em colares.

Cordão baiano

A malha cordão baiano é muito usada e possui a lógica de uma corda real.

Além disso, ele possui um elo sofisticado e trabalhado, e sua aparência é na forma de diversos elos bem juntos, e, com isso, formam duas extensões interligadas.

Nesse tipo de malha de corrente os fios estão cruzados.

Assim, as peças feitas com esse tipo de malha de corrente estão em alta e são mais usadas junto com um pingente.

Fígaro

Esse tipo de malha de corrente é muito usado e são bem delicadas e charmosas, pois elas são formadas por um elo maior junto com três elos menores, possuindo tal sequência até o final da peça.

Eles possuem vários tamanhos bem como gramaturas, e as mais finas são as mais tradicionais.

Os homens também gostam de usar peças feitas com esse tipo de malha de corrente em pulseiras ou então ao redor do pescoço.

Por isso, os modelos feitos com essa malha de corrente são considerados unissex, e combinam muito com o estilo urbano, em looks mais despojados.

Singapura

A  malha de corrente Singapura é muito usada e possui elos interligados junto com elos achatados na diagonal.

Com isso, as peças feitas com essa malha de corrente têm um efeito torcido, e são mais discretas, e, com isso, você pode escolher um mix de colares para montar o seu look.

Americana

Essa malha de corrente é uma das mais usadas e muito parecida com o elo português, a diferença que existe entre elas é que os elos são ovais e levemente retorcidos.

As peças feitas com essa malha de corrente são mais delicadas e discretas, ideais para você que possui um estilo discreto.

Marine

Esse é um tipo de malha de corrente mais usada além de ser muito semelhante ao Grumet quando se trata da posição das argolas, que dão a ilusão que uma se encaixa na outra.

A principal característica dessa malha de corrente está no detalhe no centro do, deixando, dessa forma, o meio bem marcado.

As peças feitas com ela são bem delicadas e tem uma beleza singular, sendo um grande diferencial para a joia.

Corda

Esse tipo de malha de corrente é mais usado para dar um ar bastante sofisticado e elegante às peças feitas com ele.

Isso porque, ele possui fios que são bem trabalhados e bastante próximos que se retorcem e são parecidos com uma corda mesmo.

As peças feitas com esse tipo de malha de corrente são principalmente em tons de ouro, como o ouro branco e o ouro rosé.

Dessa forma, essas peças são bastante encantadoras e muito e podem ser usadas sozinhas, junto com um pingente, ou então em um mix de peças, valorizando muito o seu look.

Piastrine

Esse tipo de malha de corrente é uma das mais usadas e possui um detalhe bem no centro da argola, e geralmente são peças muito finas e delicadas com elos achatados.

Ou seja, as joias feitas com a malha piastrine são ideais para pessoas que gostam de um look mais delicadinho.

Malha italiana

Esse tipo de malha de corrente é muito usado e também é chamada de lacraia.

Ela tem elos retorcidos que parecem as escamas de um réptil.

Além disso, o modo que os elos se encaixam forma um número “8” fazendo com que essa malha de corrente seja mais robusta e vistosa.

Entretanto, ela também é bem delicada e com bastante brilho.

Peças feitas com ela são muito bonitas e charmosas.

Malha de serpente

As peças feitas com esse tipo de malha de corrente parecem que são formadas por um único cordão.

Isso porque, ela possui diversas partes que são interligadas, e por isso, formam um único fio. 

Hoje em dia, esse tipo de malha de corrente é muito usado em pulseiras e chokers.

A principal vantagem desse tipo é que elas são muito flexíveis. 

Trigo

Esse tipo de malha de corrente é muito usada e possui elos ovais e entrelaçados.

Ela possui bastante textura e sua aparência é da ponta de caule de trigo.

Além disso, sua textura é muito brilhante com fios parecidos com fibras que se cruzam.

Geralmente ela tem quatro fios entrelaçados um no outro.

Conclusão

E aí, qual tipo de malha de corrente você mais gostou?

É difícil escolher somente um devido a tantas variações, sendo cada uma mais bonita que a outra não é mesmo?

Além disso, existem vários outros tipos de malhas de corrente que não foram citados aqui.

Depois de todas essas dicas, você pode aposentar as bijuterias e apostas em semijoias bonitas e sofisticadas e por um preço que cabe no seu bolso.

Cada tipo de malha de corrente informada neste artigo possui uma peculiaridade diferente.

Dessa forma, você pode escolher a que mais combina com o seu estilo, ou seja, se for um estilo mais clássico a malha americana é ideal para você.

Agora, se você possui um estilo mais despojado, a melhor malha de corrente é a malha de corrente fígaro, pois ela irá dar para o seu look esse ar, que por mais simples que seja, será também sofisticado e leve.

Bom, essas são as principais informações e curiosidades que separamos para você sobre as malhas de correntes mais usadas, esperamos que tenha gostado!

Aproveite e compartilhe este artigo com familiares e amigos que se interessam pelo assunto!

Dúvidas? Deixe abaixo nos comentários!

1 Comment

  1. […] viu até aqui, que combinar correntes e gargantilhas exige um certo cuidado. E tem um tipo de gargantilha que geralmente gera muita […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.