Tudo Sobre Joias em Ouro Rose

Tudo Sobre Joias em Ouro Rosé

Confira Tudo Sobre Joias em Ouro Rosé: Muitas joias encontradas ao redor do mundo são confeccionadas com pedras preciosas e metais nobres. Entre os mais utilizados, destaca-se o ouro rosé, não por acaso, uma vez que o metal é bonito, reluzente e confere ares românticos aos artefatos nos quais são empregados. As joias em ouro rosé tem um frescor de novidade e também tem cara de tendência. Porém o que muitos não sabem é que esse tipo de tonalidade do ouro existe desde o século XIX e desde lá é um clássico. 

O banho de ouro rosé é menos popular que o ouro amarelo ou a prata e ródio, mas com certeza tem ganhado muito espaço. Saiba tudo sobre essa cor que vai conquistar seu coração!

O banho em ouro rosé é diferente! Ele com certeza faz parte daqueles tipos de joias que você vai ter um pouquinho de dúvidas sobre como usar. Isso porque sua tonalidade marcante não é tão neutra quanto a de outros metais nobres. No entanto, a cor marcada em tons rosados é o segredo do seu charme e elegância.

A seguir, você vai aprender o que é ouro rosé e quais são as suas principais características. Ainda listaremos algumas peças em ouro rosé que você pode incorporar em seu dia a dia. Dessa forma você dá um toque fashion a sua composição de uma forma discreta, elegante e divertida.

Entenda o que é o ouro rosé

O rosé é uma das variações da cor do ouro 18 K (75%). A diferença dele para o amarelo está nos 25% de outros metais utilizados na liga. Enquanto a versão amarela usa 25% de materiais vermelhos, como o cobre, misturados aos brancos, como a prata, o ouro rosé utiliza exclusivamente metais vermelhos.

É comum que ligas com concentração de cobre muito altas, acima de 25%, adquiram esta coloração rosada, sendo necessária a aplicação de ácido sobre a peça para verificação do teor do ouro.

QUE TAL 5% DE DESCONTO? Cadastre-se e receba o cupom no seu e-mail!

Um pouco da história do ouro rosé

Surgiu na Idade Média pelas mãos de alquimistas, cujas experiências eram feitas com o próprio ouro. Segundo os historiadores, o metal não foi planejado, mas surgiu por acaso, de acordo com os experimentos da época!

No início do século XIX, um dos metais mais populares da Rússia era um ouro de tonalidade rosada, utilizado em joias e adereços. Durante muito tempo, foi até chamado de ouro russo entre joalheiros e consumidores. Esse termo, no entanto, ficou fora de moda, dando lugar à nomenclatura rosé – ou mesmo ouro rosa – que persiste até hoje.

Essa cor de ouro ficou esquecida por certo tempo, até que, há alguns anos, grandes grifes de joias, inclusive a H.Stern, voltaram apostar nela. Uma das razões para a crescente popularidade desse metal é a sua aparência romântica.

Com o passar dos anos, o material recebeu o nome de ouro rosé, devido à coloração rosada que assume justamente por ter essa certa quantidade de cobre adicionada em sua composição. Na década de 40, ele tornou-se um item indispensável em qualquer loja que trabalhasse com a alta joalheria.

A bela e distinta cor desse ouro é criada pela mistura do ouro puro (naturalmente dourado) a uma liga de prata e cobre. Mas o principal responsável pela coloração é o elemento cobre, que em determinadas dosagens possibilita variações de tonalidade do ouro, que vão do vermelho intenso para um rosa mais suave.

Ao contrário do ouro branco, o rosé tem uma vasta gama de tons – desde um delicado rosa claro até um impetuoso rosa avermelhado, fazendo com que ele seja muito versátil.

Desde então, brincos, pulseiras de malhas finas ou grossas, anéis com diamante e até relógios passaram a ser vistos em mulheres que não abrem mão do toque requintado e romântico que somente o ouro rosé confere aos looks.

Conheça os cuidados com as joias feitas em ouro rosé

Agora, é hora de se preocupar em saber como manter as joias bonitas, depois de adquiri-las, a fim de continuarem ostentando o brilho e a resplandecência do material.

No entanto, no caso desse metal, a proporção do cobre é maior, o que pode ocasionar a aceleração no processo de oxidação da peça. Ainda é importante destacar que o ouro vai reagir conforme o contato com a pele de cada pessoa, assim como o ouro amarelo e o branco também!

Sendo assim, limpe a joia com o auxílio de uma flanela macia, fazendo movimentos circulares e delicados por toda a extensão da peça. Além disso, guarde o acessório em um estojo apropriado, como uma caixa aveludada, sem que haja outros artigos misturados.

Além do mais, é fundamental lembrar que você deve retirar as joias na hora de tomar banho e sempre evitar que elas entrem em contato com produtos químicos em geral. Assim, você previne reações que podem danificar a aparência do acessório.

Tudo Sobre Joias em Ouro Rose
Alianças em Ouro Rosé

Aliança de ouro rosé combina com quais tons de pele?

Apesar de ser um produto em alta, a aliança de ouro rosé incita algumas dúvidas nos clientes no momento da escolha. A maior delas é com relação ao tom de pele — se vai combinar ou não.

Já sabemos que alguns metais e pedras combinam mais com uma tonalidade de pele, enquanto outros combinam mais com outra. Nesse caso, o primeiro passo é identificar a classificação da pele do seu cliente, que pode ser tanto fria quanto quente.

Como fazer isso? É simples. Geralmente, a pessoa que tem tom de pele frio é aquela em que as veias do pulso são mais azuladas. Já as pessoas que têm as veias mais esverdeadas, são tonalizadas como quentes.

As alianças ficam bem em todos os tons de pele. Contudo, morenas e negras valorizam ainda mais a joia, pois evidenciam a cor da aliança. Os tons quentes de pele, no caso, são os que mais destacam o metal rose gold e até mesmo o clássico amarelo.

Foi-se o tempo em que alianças de compromisso e de noivado tinham que ser brancas ou amarelas. O rosé aparece como uma opção diferenciada para seus clientes. Se o casal deseja uma aliança de compromisso, não hesite em ofertar modelos de ouro rosé.

Sofisticadas, modernas e, ao mesmo tempo, com um ar romântico e retrô, você agora já sabe que a aliança de ouro rosé deve fazer parte do seu catálogo de produtos.

Apesar de mais procuradas por casais jovens, não vai demorar muito para virarem também um clássico entre cônjuges de longa data.

Joias em ouro rosé

As joias são sempre bem vindas! Seja no dia a dia ou um evento luxuoso, sempre nos preocupamos em encontrar a melhor combinação de joias.

Por isso, aqui vão algumas dicas para quem quer começar a se habituar ao ouro rosé.

Brincos em ouro rosé

Os brincos são os acessórios perfeitos para quem quer começar a se habituar ao ouro rosé. Além de discretos, eles cumprem o papel desse banho da melhor forma possível, com muita delicadeza. Nesse sentido, você pode mesclar uma peça super moderna como os ear hooks com o banho ouro rosé. O visual ficará incrível e o ouro com certeza será o protagonista!

Colares

Os colares em ouro rosé trazem um requinte descontraído para seu look. Ele se sobressai com alguns tons específicos de roupas como nudes, tons de azul, tons de rosa e terrosos. Porém, isso não impede de mixar esse lindo colar com roupas brancas ou pretas. É legal sempre pensar na harmonia geral da composição.

Mas uma super vantagem desse banho de joia é que você pode fazer um look maravilhoso com camiseta branca, calça jeans e colar ouro rosé. Como você também pode fazer vestido para noite, salto alto e colar ouro rosé. Ou seja, muito versátil mesmo!

Os colares nesse banho, além de serem muito charmosos são joias que trazem uma certa leveza para os looks

Piercing fake

O piercing fake é ótimo para pessoas que tem medo do ouro rosé ser uma cor muito clássica ou romântica. Nesse caso, o piercing fake em ouro rosé é a peça que prova que o esse tipo de banho é também muito cool! Então, incorporar o piercing fake rosé no look é com certeza um plus.

O piercing fake apresenta esse tipo de banho com muita modernidade

Dica coringa

Uma super sacada para incorporar os acessórios em ouro rosé nos seus looks é fazer o mix metais e/ou materiais em suas peças. Já se foi o tempo que só podia usar, em ocasiões diferentes.

Agora, misturar tons de metais, materiais e texturas é também uma forma de fazer composições super in! E você pode em um look só ornar colares em banhos diferentes. Também fica ótimo nos mix de pulseiras e anéis!

Ao longo desse artigo, você pôde aprender um pouco mais sobre o que é ouro rosé. Sendo assim, é realmente interessante que você considere a possibilidade de investir em peças feitas com o tão nobre e cobiçado metal, pois, além de constituir belos itens da alta joalheria, faz com que o proprietário obtenha um valioso tesouro nas mãos!

1 Comment

  1. […] o ouro rose é um meio termo. Ele é uma mistura de ouro com cobre e prata, proporcionando um aspecto mais […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.