Aliança Certa Para Noivado

Qual Aliança Certa Para noivado?

Aliança Certa Para Noivado: É muito comum as pessoas terem dúvidas sobre qual a aliança correta para noivar. Afinal, essa é uma ocasião muito importante, pois marca o início de uma nova fase no relacionamento do casal. Aquela etapa cheia de novidades e preparativos, o momento em que em geral as famílias se conhecem mais e todos estão mais unidos.

Então, nada mais justo que uma joia marcante para essa ocasião. Para te ajudar na escolha da joia perfeita e surpreender seu amor, separamos aqui algumas dicas e um pouquinho da simbologia por trás do noivado. Vamos lá?

Um pouquinho de história

O noivado, tal como o conhecemos hoje, faz parte da cultura cristã, raramente essa palavra era mencionada em livros de história pelos povos antigos, ainda que ela existisse na Grécia e também no Egito.

No cristianismo, o hábito do noivado teve início no século XV, através do Papa Inocêncio III, que dizia que os casais que tinham a intenção de se casar deveriam torna isso público. Essa publicidade da intenção do casamento passou a ser chamada de noivado e com ela o uso da aliança na mão direita, virou a tradição tal qual conhecemos hoje.

O uso da aliança de noivado na mão direita e depois passando para a mão esquerda foi a tradição inicial e, perdura até hoje. No entanto, as mudanças no mundo e as diferenças culturais fizeram com que cada povo fizesse suas tradições.

Por exemplo, nos Estados Unidos, a tradição é de que toda mulher que é pedida em casamento, ganha um anel de seu pretendente.

Aqui uma curiosidade: a partir dos anos 30, os diamantes foram considerados a pedra do amor e, por isso, essa pedra preciosa é uma das mais utilizadas na confecção dos anéis de noivado.

O noivo precisa usar aliança durante o noivado?

Não por obrigação. Em outras palavras, existem homens que não se sente confortáveis usando algo nas mãos, outros tem profissões que impedem o uso de uma aliança, por apresentar risco de acidente de trabalho. Nessas situações fica a critério do casal como se dará o uso da aliança.

Dessa forma, as alianças do casal também não precisam ser idênticas. Elas podem ter detalhes e espessuras diferentes.

Qual a diferença entre a aliança e o anel de noivado?

No geral, a aliança de noivado é usada pelo casal, durante o tempo do noivado. E é ela quem irá mudar de mão no momento do casamento. O modelo escolhido varia muito, podendo ser lisa ou com uma pedra preciosa nela.

O anel de noivado, é utilizado só pela noiva durante o período do noivado. Esse pode mudar de mão quando ocorrer o casamento, sendo usado preso pela aliança, ou a noiva pode optar por continuar usando o anel no dedo anelar da mão direta, sozinho.

Portanto, é muito comum o noivo dar o anel a noiva, como forma também de presenteá-la, e ele faz isso, dando um anel de noivado para sua amada. O anel também se torna a primeira joia da família, podendo passar de geração em geração.

Mais uma curiosidade: um dos anéis de noivado mais conhecido da história é o da Princesa Diana que, inclusive o príncipe Willian presentou sua noiva (e agora esposa) Kate Middleton com o que pertenceu a sua amada mãe. O anel que o príncipe Harry ofereceu para Meghan, quando ficaram noivos, também não passou despercebido com sua elegância e beleza.

No entanto, independente de qual for a escolha do casal, anel ou aliança, ambos simbolizam o amor entre o casal.

Aliança de noivado: prata ou ouro?

Uma coisa é certa: a escolha deve ser do casal, o gosto do casal deve ser considerado, independente de tradição ou costume. Aqui vamos falar sobre o que é mais comum e dar algumas dicas.

O que é mais comum é usar a aliança de noivado de ouro ou folheada a ouro, mas de novo, isso não é regra. Vocês podem optar pelo uso da aliança de noivado em prata e trocar depois. O que importa quando falamos no metal utilizado, é que ele seja duradouro, ou seja, que possua uma boa qualidade, pois estamos falando de uma joia que irá ficar no dedo dos noivos e se for o caso, depois do casamento também, durante um longo tempo.

Quando se fala em aliança de ouro, geralmente os mais escolhidos são os modelos em ouro amarelo, branco ou rosé, nos quilates 14, 18 ou 24. Entretanto, nos materiais como prata, platina ou titânio a diferença está no peso e na durabilidade desses materiais. A platina é o material mais durável, mas também é o mais pesado.

Caso o casal não tenha ideia do que desejam, quando forem fazer a pesquisa para o orçamento, é interessante observarem as muitas opções existentes nas joalherias. Vejam o que combina mais com o gosto e estilo do casal e também, o tipo de aliança que mais traz conforto quando usada.

Como escolher a aliança de noivado?

Alguns noivos fazem a opção de comprar alianças que irão durar para sempre. Nesse caso, elas são utilizadas durante todo o noivado e, quando chega o momento do casamento, recebem apenas a gravação, na parte interna ou mesmo externa, com a data da cerimônia, frases, inicias do casal, ou algo que os represente, um para o outro.

É importante que, se um dos dois forem realizar a compra sozinhos, levar a numeração do dedo anelar da noiva, a medida com um fio ou mesmo uma joia que seja utilizada por ela, no mesmo dedo. Isso irá evitar que a aliança fique grande ou pequena e evita também, a necessidade de ajustes.

Já o material usado para a confecção da aliança pode variar bastante, como dissemos anteriormente isso deve atender ao gosto do casal. Mas, o mais comum nesses casos, são as alianças em ouro.

Os modelos mais escolhidos

Entre as mais escolhidas, estão a em ouro 18 quilates, contendo uma ou mais pedra de diamante. As lisas anatômicas também são uma das preferidas dos casais. A largura das alianças também pode variar.

Existem os casais que preferem algo discreto, para esses, as alianças finas, sem detalhes é a melhor opção. Agora se vocês forem um casal que gosta de joias que chamem a atenção, existem as mais largas e que podem conter um ou mais diamantes. Acima de tudo, o que importa é o que cabe na vida do casal.

Novamente aqui o que irá importar é a qualidade da joia adquirida, pois se trata de algo que irá durar a vida toda e dificilmente será retirado das mãos, por isso a qualidade do metal escolhido, independente de qual seja, deve ser de excelente qualidade.

Portanto, ao escolher a joalheria que irá produzir as alianças, é importante verificar se ela está disposta a fazer ajustes, apresente garantia contra defeitos e se aceita fazer troca, no caso do casal não fica satisfeito com a joia. São pontos que podem parecer pequenos, mas que fazem toda a diferença no momento da compra e, se necessário, posteriormente.

E os modelos, qual optar?

Aqui é onde os casais soltam a imaginação. Vocês podem viajar entre modelos clássicos (e mesmo entre modelos clássicos, existem variações), modernos, diferentes. São inúmeras opções para todos os gostos e bolsos.

Dentro do formato clássico temos os modelos meia-cana, que são as alianças mais tradicionais, com a face externa arredondada e a interna reta, podendo ter espessura grossa ou fina, com ou sem um brilhante.

Temos também a contour, também chamada de boleada ou anatômica. Essa aliança é arredondada por dentro, sendo um formato mais confortável pois reduz o contato com a pele e ajuda na circulação de sangue.

Já o formato plana, também conhecido como aliança quadrada possui todas as faces retas – plana no lado externo, na parte interna e nas laterais. E ainda temos o formato bodas, que é uma mistura do ouro amarelo com o ouro branco, podendo ser lisas ou com texturas.

Agora, se vocês são um casal que preferem fugir do básico, existem as alianças que são mais customizadas. É possível que os noivos gravem as digitais nas alianças, o casal desenhar sua aliança, entre outras formas. Quando o assunto é aliança de noivado fora do tradicional, a criatividade dos noivos é que irá reinar.

Algo importante: o orçamento

Nos mencionamos um pouco de história, de simbologia e modelos de alianças, porém não podemos esquecer do orçamento.

É importante que os noivos tenham em mente antes mesmo de procurarem o par de alianças ideal, o quanto pretendem gastar na joia. Esse é sempre o ponto de partida em todas as decisões que envolvem o casamento.

Ao incluir materiais mais ou menos valiosos, o orçamento irá variar. Os minerais escolhidos para compor a aliança de noivado também irão impactar no valor final. Não esquecendo que o design do anel também faz parte do pacote.

Independente do orçamento do casal, da escolha das alianças, esse é um momento único, que envolve além de tudo, muito amor e parceria. Portanto, pensem bem na escolha, façam isso sem pressa e tenham para o resto da vida uma joia que simboliza a união e o companheirismo de vocês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *